A verdadeira história do Halloween

Por Guilherme Otávio

Em 27-10-2020

No próximo sábado (31/10) celebra-se o Halloween ou o famoso “Dia das Bruxas”. Por curiosidade fomos atrás pra saber e entender um pouco mais dessa data que é puro doce e travessura.

Fantasia de Halloween

O Halloween é praticado há mais de três (03) mil anos. Surgiu com celtas, povo politeísta, que celebravam o festival de Samhain, onde se comemorava o fim do verão, e a passagem do ano celta. Acreditava-se que durante o festival, os mortos se levantavam e  apoderavam dos corpos dos vivos, por esse motivo, se usava fantasias um tanto quanto sombrios com o objetivo de se defenderem de maus espíritos.

Mas de onde surgiu o termo dia das Bruxas? Foi na Idade Média, a igreja condenou o evento e daí surgiu o nome Dia das Bruxas. Sem muito sucesso e com a prática de queimar curandeiros, considerados bruxos, em fogueira naquele período, por serem contra os dogmas da igreja, foram além e fizeram alteração no calendário.

Tentando afastar o caráter pagão da festa, a Igreja passou o Dia de Todos os Santos do dia treze de março (13/03) para o dia primeiro de novembro (01/11). Foi daí que surgiu o nome Halloween, que ve, da junção de halos, que quer dizer “santo” , e eve, que quer dizer “véspera”.



Deixe um comentário:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

*

0 comentários em “A verdadeira história do Halloween”

0 comentário

X